2020 – Dificuldades e Desafios – Revendo Minhas Previsões

Todo ano escrevo um blog que nada mais é um exercício em futurologia. Procuro fazer projeções baseadas em longos anos de experiência, observações de pessoas e instituições respeitadas e usando algo de bom senso. Mesmo assim quando releio depois de um ano vejo, não sem surpresa, que acabei talvez mais palpitando do que prevendo. Tudo bem.

Vamos lá.  Em 14 de janeiro deste ano, publiquei “Previsões para 2020”.  Aqui vai o link:

https://allabroadconsulting.wordpress.com/2020/01/14/2020-previsoes-para-um-brasil-cheio-de-desafios/

Falta ainda um dia para terminar o ano, mas ainda assim podemos avaliar os acertos, os erros e as surpresas.

Surpresas

Claro que a grande surpresa foi o alastramento da COVID19.  Hoje sabemos que o contagio já estava presente na China no final de 2019 mas a pandemia só ganhou corpo e efeito avassalador em 2020.  Olhando para trás, talvez não deveríamos sentir surpresa.  Afinal as pragas, os contágios, os vírus, e as doenças são coisas perenes.  Antes de Covid, o mundo sentiu o impacto, de Mers, SARS, H1N1, influenza de Hong Kong, de suínos, e há 100 anos, a chamada “Gripe Espanhola”.  Mas a grande surpresa em 2020, foi o alcance mundial, o numero de casos e o alto grau de contagio e morbidade.  Mais impressionante ainda, foi o impacto nos EUA que lidera o mundo no numero de morte e casos e com o Brasil logo em seguida.  Os EUA como o pais mais rico e com mais recursos não esperava pagar um preço tão alto.  O Brasil, por sua vez, tem experiência com epidemias e portanto tinha um bom sistema de saúde publica que no passado foi exemplar no controle de doenças contagiosas causadas por viroses.  Basta observar que o Brasil foi exemplar no controle de AIDS, em outros surtos e na rápida identificação e controle de Zica em 2016.  Agora quase que repentinamente o Brasil torna um campeão de perversidade no trato de uma doença que ceifou mais 200 mil pessoas (numero que ainda cresce) e com um numero incerto de milhões de infectados.  Além disso, enquanto outros países aproveitam e tem acesso as vacinas, o Brasil patina sem plano com um custo adicional de doentes e mortos.

Erros meus, Econômicos e Outros

Enfim, não previ COVID19 e foi um erro que levou também a errar outras previsões.  Na economia, previ um crescimento fraco de menos de 2% e agora em 2020 o pais não cresceu nada e encolheu algo em torno de 5%.  O Brasil já não consta nos 10 maiores economias mundiais e regrediu para a 12ª posição.  Previ uma inflação em torno de 5% com tendência de crescimento caso que a economia ganhasse corpo.  Bem a inflação segundo o boletim Focus do Banco Central anda em 4.39% ao ano com base em a penúltima semana de dezembro.

Como a economia encolheu, o desemprego e subemprego aumentaram.  Com minha previsão em torno de 11 a 12% que já é muito elevado, errei já que a crise impactou principalmente  comercio e serviços e depois indústria e assim o desemprego oficial foi para 14.6%  em novembro segundo o IBGE.  Aqui estamos com um problema grave que foi apenas parcialmente contornado pelo programa emergencial de pagamento de 600 reais mensais.  Este dinheiro já acabou e como o governo vai enfrentar a falta de recursos para consumo e investimento daqui para a frente é uma grande incógnita.

Juros.  Como avaliei que a economia podia crescer modicamente, esperava que os juros também iriam subir acompanhando a demanda de investimento.  Como caiu tudo, os juros também caíram para 2% em termos de SELIC.  Entretanto, acertei que o spread é grande e os juros para empréstimos de longo prazo estão se elevando.  Quando o empresário ou individuo for comprar uma casa, vai pagar juros de 7 a 9% ao ano, com possíveis ajustes.  Juros para compra de um automóvel estão acima de 10% e juros de cartão de credito estão acima de 180% ao ano.  A diferença entre a taxa Selic e o mercado revela um pais com uma crise de credito e confiança.

Investimento Estrangeiro.  Com mais baixas do que altas ao longo dos últimos dez anos, o investimento estrangeiro no Brasil ficou estavel na faixa anual de 65 a 75 bilhões de dólares por ano.  Isso porque o Brasil tem um mercado interno grande e que deve crescer nem que seja com o crescimento da população e pelo fato que as grande empresas multinacionais já instalados tem que  continuar e eventualmente ampliar suas atividades.  Ate agora o mercado de investimento tem tido um certo isolamento e independência.  O ano 2020 foi bem diferente.  Ate novembro, o Brasil recebeu apenas um liquido de 36 bilhões (dado do Banco Central para novembro 2020).  A diminuição do FDI (Foreign Direct Investment) representa mais um erro de previsão mas mais preocupante é também a saída de investimento estrangeiros da bolsa de valores.  Houve uma saída liquida da bolsa de US$ 19 bilhões.  Mais uma vez, pode se culpar a recessão mundial provocada pela Covid mas o Brasil parece que já não é um lugar querido para o investidor e aqui parte da explicação se deve ao fato que o governo não esta oferecendo um quadro de estabilidade e atração seja no trato diplomático, seja diante do desafio da pandemia ou na forma que o Brasil enfrenta o problema dos incêndios e a crise ambiental mundial.  Para crescer precisa-se de investimento e minguam os recursos externos e não ha fontes internas, a economia terá imensas dificuldades.  Enfim, confesso que errei mas pelos dados negativos de óbitos, encolhimento, destruição e rejeição o governo esta errando mais.

Acertos nas Previsões Politicas, Sociais e Outras

Vale observar alguns acertos.  Previ corretamente que basicamente nada seria privatizada e com isso o Secretario Executivo, Salim Mattar pediu exoneração demonstrando certa frustração.  Também coloquei a saída do Ministro Sergio Moro e observei que sua saída seria em função de um projeto politico pessoal.  Entretanto, achava Moro iria se posicionar para ser candidato a Presidente mas em vez disso, ele foi fritado e feito torresmo pelo Presidente e saiu para ser advogado administrador de uma empresa americana com projeção secundaria.  Cantei também a saída do Weintraub do Ministério de Educação.  Paulo Guedes, embora enfraquecido continua, como também Tereza Cristina e Ministro Tarciso de Infraestrutura.  Acertei parcialmente nas saídas de Rodrigo Maia da Presidência da Câmara e do Davi Alcolumbre da Presidência do Senado.  No caso dos dois, achava que pelo menos iria continuar mas o STF matou a possibilidade e o espaço de manobra dos dois.

Um Bom Erro – Trump

Em janeiro de 2020, o mundo era outro.  A economia americana, a bolsa de valores, o nível de emprego e praticamente todos os indicadores tradicionais eram favoráveis a postura nacional populista do Trump.  Covid acabou com a festa e revelou nitidamente o fraco desempenho da politica pessoal e da competência administrativa do governo instalado em Washington.  `A Biden falta carisma mas tem experiência e parece que tem um plano real de combate a pandemia.  Com isso, ele derrotou Trump com ampla margem.  Comentei que uma derrota eventual de Trump terá consequências negativas para reeleição de Bolsonaro em 2022.  Vale observar já que o Bolsonaro insiste em alguns dos erros que derrubaram Trump.

Finalmente, o ano de 2020 foi terrível e não é preciso repisar todas as desgraças individuais e coletivas.  Resta tomar consciência, conseguir uma vacina que funciona e continuar buscando meios de enfrentar os desafios: 1) manter a democracia; 2) diminuir as desigualdades; e 3) crescer e desenvolver.  Foram muitos anos e décadas perdidas mas ainda assim o pais pode se superar; talvez. 

A ver e Feliz 2021.

One comment on “2020 – Dificuldades e Desafios – Revendo Minhas Previsões

  1. Colltales says:

    I’m sorry about the misspelling of your name.

    Liked by 1 person

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s